Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Secretaria de Desenvolvimento Comunitário e a atual situação em Entre Rios.

Publicado em 25/02/2021 às 09:55 - Atualizado em 25/02/2021 às 09:55

Secretaria de Desenvolvimento Comunitário e a atual situação em Entre Rios.
O Secretário de Desenvolvimento Comunitário, Airto Milioranza
Relata que são muitos os desafios encontrados na gestão desta pasta, e que o cuidado e zelo com as pessoas é prática permanente da Assistência Social.
Responsável pela gestão e coordenação da política para o setor, o gestor está preocupado em promover a cidadania e a garantia de direitos das famílias do cidadão do município.
A Secretaria de Assistência Social de Entre Rios não tem medido esforços para dar continuidade às ofertas de atendimento à população em estado de vulnerabilidade, e através do equipamento de proteção social básica CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) que, durante a pandemia, tem realizado ações de prevenção e cuidados para combate ao COVID-19, atendimentos como, Benefícios Eventuais de alimentação (cesta básica), atendimentos presenciais na unidade e remotos, atividades remotas aos grupos coletivos para manter os vínculos de convivência já estabelecidos com as famílias que frequentavam presencialmente a unidade.
Airto, informa, ainda, que as oficinas dos grupos Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família e Indivíduo - PAIF não têm previsão de retorno presencial.
SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA E FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS (SCFV)
“A equipe técnica está em treinamento para a possível retomada presencial, e destaca que somente retornará quando sentirem-se seguros de que todos estarão protegidos e em segurança, caso contrário continuará de forma remota. Lembramos ainda que as crianças e adolescentes, idosos e pessoas com deficiência que frequentarão o SCFV serão encaminhados pela equipe técnica do CRAS, priorizando o acesso ao público prioritário, não havendo a necessidade de as famílias fazerem matrículas.
PROGRAMA CRIANÇA FELIZ
É referenciado ao CRAS e tem como ponto central a visita semanal de técnicos às casas das famílias de baixa renda para acompanhar e estimular o desenvolvimento infantil por meio de atividades de fortalecimento de vínculos familiares. Atendendo gestantes e crianças de 0 a 3 anos de idade beneficiárias do Bolsa Família, e até os 6 anos aquelas crianças com algum tipo de deficiência e que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).
Informamos que os visitadores darão continuidade às visitas, respeitando o distanciamento, e adotando todas as medidas que garantam a segurança e saúde dos profissionais e das famílias atendidas.
CADASTRO ÚNICO/PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA.
O setor do Cadastro único e Bolsa Família são efetuados junto a Secretaria Municipal de Assistência Social com a servidora Angela Boldi.
O Secretario de Assistência Social faz um apelo, para as empresas da região que quiserem ajudar com doações e comenta a importância da colaboração da nossa sociedade nesse momento difícil:
“A demanda de cesta básica no nosso município aumentou, principalmente com o término do auxílio emergencial, as doações de alimentos e material de higiene pelas empresas serão bem-vindas e de extrema importância para as famílias que se encontram em vulnerabilidade social, porque muitas pessoas perderam suas fontes de renda ou estão com elas reduzidas devido à crise do Covid-19”, comenta o Secretário de Desenvolvimento Comunitário, Airto Milioranza.
SERVIÇO:
SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO COMUNITÁRIO
Horário de atendimento: das 7h30min às 11h30min
das 13h00min às 17h00min.
Mais informações pelo telefone, 3351-0065 (CRAS)
WhatsApp CRAS 49 998179777 e 3351-0153